MENU
dossiê promocional
especial MBA & Pós-Graduações | Entrevista

“Os programas de MBA devem continuar a ensinar as competências gerais de gestão “

Andrew Main Wilson, CEO da Association of MBA (AMBA)

A AMBA é uma das principais entidades internacionais que acredita e valida programas de Master Business Administration (MBA) em todo o mundo. Atualmente, são quase 300 as business schools que integram a sua rede de escolas e credenciados, entre as quais algumas instituições de ensino nacional. Numa altura em que o mundo empresarial vive tempos de profundas mudanças, Andrew Main Wilson, Chief Executive Officer (CEO) da AMBA, explica que ter um MBA ainda continua a ser uma mais-valia e um input na carreira profissional





Quais foram as principais mudanças no mundo dos MBA no último ano?

A AMBA acredita 291 das principais business schools do mundo, em 70 países. Ficámos extremamente impressionados com a forma como quase todas aquelas business schools passaram quase de um dia para o outro de um ensino face a face, presencial, para um sistema de ensino misto ou ensino 100% online.

Consequentemente, o número de estudantes matriculados em programas de MBA durante os dois anos de período covid manteve-se notavelmente elevado, uma vez que os estudantes optaram por continuar os seus estudos de MBA, aceitando, na maioria dos casos, a transformação para a aprendizagem online. Isto demonstrou a notável força das escolas de negócios e a fome de continuar a aprender dos alunos.

Se eu fosse um jovem e ambicioso executivo de 28 anos hoje, tentaria colocar as minhas mãos na melhor qualificação de MBA

Fazer um MBA ainda é uma mais-valia para um profissional desenvolver a sua própria carreira?

O mundo dos negócios está hoje mais volátil e complicado do que nunca – os gestores de negócios estão a tentar desenvolver negócios numa altura de uma pandemia global devastadora, de guerra na Europa e de uma inflação em espiral.

Para ser um líder empresarial eficiente num tal período geopolítico e económico global tão volátil, todos os gestores, na minha opinião, precisam de ter acesso à melhor formação de gestão contemporânea. Se eu fosse um jovem e ambicioso executivo de 28 anos hoje, tentaria colocar as minhas mãos na melhor qualificação de MBA em competências gerais de gestão que pudesse pagar. É por isso que na maioria das AMBA business schools a procura por programas de MBA em part-time, em particular, continua a ser muito forte.

Um MBA é de longe a qualificação empresarial mais reconhecida em todo o mundo e um MBA das melhores escolas de negócios de qualidade continua a ser muito respeitado pelos empregadores.

Um MBA é de longe a qualificação empresarial mais reconhecida em todo o mundo

Que tendências prevê para este tipo de formação de MBA?

Os programas de MBA devem continuar a ensinar as competências gerais de gestão – Finanças, Estratégia, Marketing, TI, Liderança. Crescentemente, cada vez mais os melhores programas de MBA estão agora também a ensinar soft skills, como a arte da persuasão e as capacidades de saber ouvir.

As mais recentes aprendizagens de boas práticas em inteligência artificial, big data e marketing digital também são agora essenciais. A maior nova tendência que prevejo é a disponibilização de módulos anuais de aprendizagem ao longo da vida, que fornecem módulos online/certificados atualizados em tempo útil e rentáveis aos MBA alumni das business schools, para garantir que os formados em MBA são mantidos constantemente atualizados na prática eficaz das mais recentes técnicas de negócio.